domingo, 10 dezembro, 2023
InícioEmpreendedorismoVenda maisSabe como alavancar seu negócio mesmo em tempos de crise? Confira aqui...

Sabe como alavancar seu negócio mesmo em tempos de crise? Confira aqui algumas dicas!
S

Há quem diga que para ser bem-sucedido no empreendedorismo é preciso saber “surfar” nas ondas boas e nas ruins. Ou seja, não se empolgar demais nos momentos de boas vendas e tampouco se desesperar nas crises. E, se você ainda tem dúvidas de como proceder nas situações difíceis, não se preocupe. Separamos algumas dicas para que consiga alavancar o seu negócio mesmo em tempos de crise. Confira!

Primeiro, é preciso lembrar que as crises, às vezes, forçam empreendedores a fechar as lojas físicas e a partir para vendas por aplicativos, como o WhatsApp. Porém, sabemos que este tipo de aplicativo não oferece tudo o que é necessário para que você consiga enxergar a sua empresa como um todo.

Ou seja, além de um cenário de crise, com o WhatsApp, por exemplo, você não tem o controle da gestão das suas vendas, dos seus pedidos, não gerencia seus fornecedores e nem o seu estoque. Por isso, a dica aqui é investir em uma plataforma que lhe ajude a gerenciar melhor o seu negócio.

Excelência no atendimento

“Pronto! Já tenho uma ferramenta em mãos e vou decolar nas vendas”, você pode ter pensado. Bom, vamos com calma. A tecnologia ajuda muito e simplifica o seu dia a dia, mas há algo muito importante que não pode deixar de lado jamais: a excelência no atendimento.

Quando o cenário é de crise, é preciso se dedicar para dar o seu melhor e olhar para cada etapa da cadeia de comercialização. E o atendimento ao cliente é uma das mais importantes. Nunca é demais lembrar, simpatia, educação, atenção às dúvidas dos clientes, respostas ágeis são atitudes primordiais.

Muitos empreendedores estavam acostumados com o atendimento no balcão e é necessário virar a chavinha para entender como funciona o atendimento online. Por exemplo, as lojas físicas ficam umas ao lado das outras e, quando o cliente entra na sua loja, ele está vendo apenas o seu produto. Na venda online, o cliente pode estar com várias abas (lojas virtuais abertas) e, se você demorar para respondê-lo, ele fecha a sua página e entra em outra rapidamente. Pensando nisso, é importante casar o dinamismo com educação e atenção.

Motivação

Quem gosta de futebol já pode ter ouvido “en las buenas y en las malas muchos más” (nas boas e nas ruins muito mais, em tradução literal). Esta é uma típica frase cantada por torcedores de times argentinos para dizer que nos piores momentos da equipe vão estar ainda mais presentes, entusiasmados. Mas e o que isso tem a ver com o mundo dos negócios?

É simples. Brasileiramente diríamos, “não deixar a peteca cair”. É importante seguir motivado mesmo nos tempos de crise. Se você acreditar no seu potencial, no da sua empresa e nos produtos que vende, certamente, passará essa sensação para o cliente e as chances de venda aumentam.

Inclusive, se tiver uma equipe, é importante manter uma postura motivada, com reuniões empolgantes, tentar deixar sempre o ambiente agradável, onde todos se sintam bem. Com isso, possivelmente, sua equipe vestirá a camisa da empresa, o que também impacta positivamente nas vendas.

Avaliação dos clientes

Há quem tenha medo de ouvir o que o cliente vai dizer sobre a empresa ou um produto e não abre nenhum canal de comunicação com ele. Mas essa atitude pode ser muito negativa para o seu negócio. Afinal, é importante disponibilizar uma forma para que os clientes possam dar sugestões de como o seu negócio pode ficar ainda melhor.

Isso pode ser feito por meio de formulários, mensagens nas redes sociais e, também, diretamente para o cliente no momento da compra. Desta forma, você consegue saber exatamente o que falta para melhorar o negócio, sem contar que podem aparecer novas ideias.

Programa de fidelidade

Outra maneira que pode lhe ajudar a continuar a vender mesmo em tempos de crise, é criar um programa de fidelidade. Esse tipo de ação faz com que o cliente volte mais vezes, afinal, ele está acumulando pontos com a sua empresa para ter algo em troca. Porém, para isso, é essencial manter um bom relacionamento com o seu cliente.

Matérias relacionadas

Live Reforma Tributária

spot_img

Mais lidas