terça-feira, 18 junho, 2024
InícioImposto de RendaComo declarar licença médica no Imposto de Renda?

Como declarar licença médica no Imposto de Renda?
C

Trabalhadores afastados por licença médica e aposentados por incapacidade permanente (antiga “aposentadoria por invalidez”) contam com o direito de isenção do Imposto de Renda, desde que tenham laudos, atestados, relatórios e demais documentos médicos comprovados por órgãos oficiais da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos municípios. Veja agora como declarar licença médica e aposentadoria por incapacidade permanente no Imposto de Renda.

Vale ressaltar que a isenção se aplica apenas a rendimentos provenientes da aposentadoria ou auxílio-doença. Demais fontes de renda estão sujeitas à tributação e devem ser informadas na Declaração do Imposto de Renda, que encerra no próximo dia 31 de maio.

Nos casos aos quais os valores isentos recebidos pelos benefícios ultrapassem o limite de R$ 200 mil, o contribuinte estará obrigado a declarar imposto, assim como os aposentados e segurados pelo INSS que receberam, em 2023, rendimentos superiores a R$ 30.639,90.

Como declarar licença médica no Imposto de Renda?

O trabalhador que ficou doente e obteve a licença médica, mas recebeu salário em algum período de 2023, deve informar o recebimento desses valores na declaração de IR. Para trabalhadores com vínculo empregatício de carteira assinada, o salário é informado na ficha “Rendimentos Tributáveis Recebidos de PJ”. Já os profissionais autônomos e/ou prestadores de serviços para pessoas físicas, devem informar os valores recebidos em “Rendimentos Tributáveis Recebidos de PF/Exterior”.

Quando há isenção de Imposto de Renda para aposentados por incapacidade permanente?

A Receita Federal concede a isenção de imposto de renda para aposentados por incapacidade permanente ou portadores de doenças graves somente em rendimentos referentes à aposentadoria. Caso esses contribuintes tenham outras fontes de renda que se encaixem na obrigatoriedade do IR, também deverão declarar esses valores ao Fisco.

Como obter o laudo médico para comprovação no Imposto de Renda?

O laudo médico deve ser emitido por um hospital da rede pública, com no mínimo, as seguintes informações:

  1. a) órgão emissor;
  2. b) a qualificação da pessoa com a moléstia;
  3. c) diagnóstico da moléstia (descrição; CID-10; elementos que o fundamentaram; a data em que a pessoa física é considerada com a moléstia grave, nos casos de constatação da existência da doença em período anterior à emissão do laudo e:
  4. d) o nome completo, a assinatura, o nº de inscrição no Conselho Regional de Medicina (CRM), o nº de registro no órgão público, e a qualificação do(s) profissional(is) responsável(is) pela emissão do laudo pericial no serviço médico oficial.

É importante frisar que não é mais necessário informar o prazo de validade do laudo pericial quando a moléstia é passível de controle.

De acordo com a Receita, os laudos periciais expedidos por entidades privadas não atendem à exigência legal e, portanto, não podem ser aceitos, ainda que o atendimento decorra de convênio referente ao SUS.

Como aposentados por incapacidade permanente podem solicitar a isenção do Imposto de Renda?

Com o laudo em mãos, a próxima etapa é abrir um requerimento no INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). O pedido pode ser feito pelo portal ou aplicativo “Meu INSS”. Basta acessar o portal e buscar pela solicitação do imposto. Em seguida, deve preencher as etapas solicitadas no sistema e anexar a documentação necessária. Feita a solicitação, é necessário aguardar a perícia médica, que será realizada de forma presencial, em data e horário marcados pelo INSS. Após a perícia, é preciso aguardar a resposta do processo pelos canais do INSS.

Tem mais dúvidas sobre licença médica no Imposto de Renda?

Este período é sempre desafiador para contadores e contadoras, pois cada cliente traz um cenário completamente diferente e é aí que surgem as dúvidas. O que pode ajudar, e muito, nesta jornada é o curso “IRPF 2024 – Visão do Contador”. Você irá tirar suas dúvidas com aulas online, práticas e dinâmicas. Lembre-se que é importante se capacitar para ganhar agilidade e evitar qualquer chance de cometer erros. Aproveite agora o desconto especial que conseguimos para você! Clique aqui para comprar agora! 

Matérias relacionadas

Mais lidas