quinta-feira, 23 maio, 2024
InícioEmpreendedorismo4 dicas de negócio para mães que pensam em empreender

4 dicas de negócio para mães que pensam em empreender
4

“Mãe é Mãe” é uma expressão que ninguém ousa discutir, não é verdade? Uma frase pequena, com um substantivo repetido, dividido por um único verbo e fim. Está dito! Está claro! Não se discute! E quando, além de mãe, a genitora dá outro sentido ao verbo latino “creare”, amigo próximo do “crescere”, e ousa [como muitos julgam] empreender? Quanto desafio! Na semana que se celebra o Dia Internacional das Mulheres, separamos dicas de negócio para mães e mulheres que sonham ter sua própria empresa. Confira as dicas de gestão para aquelas que pensam em empreender. Um brinde, mulheres!

Sonhar + planejar = realizar

“De sonhar ninguém se cansa”, diria o poeta Fernando Pessoa. Mas não podemos negar, a rotina maternal, muitas vezes, impede que os sonhos venham à mente. Afinal, dependendo da fase da maternidade, dormir se torna um luxo e até mesmo “sonhar acordado” pode virar algo raro, já que a vida entra meio que no modo automático para dar conta de tudo o que a maternidade contempla.

Mas, se mesmo diante deste necessário, você logrou sonhar em abrir um negócio próprio…. Ó glória! Que bênção! Vamos celebrar! Desfrute do sonho e, aos poucos, passe para a segunda etapa: planejar. Na rotina maluca da maternidade [cheia de imprevistos], faça o esforço para deixar um tempo para planejar e estruturar o negócio. E, com a paciência de quem esperou 40 semanas para ver o filho nascer, vá semana a semana estruturando o seu projeto. Ou melhor, gestando mais um filho!

Aqui, é importante lembrar que é a soma do sonhar com o planejar que trará o seu negócio à luz. Então, como já deve ter cansado de ouvir nestes últimos tempos: “Curta cada etapa do processo”.

Rotina, rotina, rotina

Se o pediatra já lhe disse que a rotina pode ser essencial nos primeiros anos do seu bebê, aproveite a deixa para criar uma rotina para o seu empreendimento. Como dissemos, quem lida com crianças, sabe que surgem muitos imprevistos no caminho. Por isso, também é importante deixar um espaço do seu tempo diário reservado para tocar o seu negócio.

É claro que, vez ou outra, você terá que fazer adaptações e, inclusive, esteja aberta a elas. Resiliência é palavra da moda, mas não há quem negue que a maternidade tem o potencial de deixar a pessoa mais resiliente, não é mesmo? Que dirá uma mãe e empreendedora!

Aceite ajuda! Olha a rede aí, gente!

Você é mãe, é empreendedora, enfrenta diariamente desafios do universo feminino e acha pouco? É muita coisa para administrar! Se permita receber ajuda. Se possível, coloque a sua rede de apoio em ação. Companheiro, companheira, familiares, amigos, empregados, entre outros, podem fazer a diferença para que o seu sonho vire realidade.

E é bom que se diga, existem vários tipos de ajuda. Tanto em relação à maternidade em si, como para o seu empreendimento. Então, conte com a rede, pois você merece e precisa receber apoio!

Tecnologia para otimizar o tempo

Administrar o tempo é um dos grandes desafios de mães empreendedoras. E, qualquer oportunidade que surge para otimizar os processos, deve ser aproveitada. Por isso, uma ótima ideia é contar com automatização.

Na IOB, contamos com alguns softwares que, certamente, podem lhe ajudar [e muito] para que você possa obter sucesso no seu empreendimento!

Matérias relacionadas

spot_img

Mais lidas